O que é Botrytis Cinerea?

As uvas atacadas pela Botrytis Cinerea

A Botrytis Cinerea é um fungo. Um tradução apropriada seria uva cinzenta. Esta terrível peste ataca os frutos no final de sua maturação.

Ocorre em locais com muita umidade e/ou índices pluviométricos altos. É um tormento aos produtores de uva, pois fura a casca e alimenta-se do sumo. Chamado na horticultura de podridão cinzenta ou mofo cinzento e pode arruinar colheitas inteiras.

Podridão cinzenta

Nas uvas ocorre de duas maneiras. Se em tempos muito chuvosos, certamente será considerada como podridão cinzenta, agride os bagos das uvas e faz com que os cachos se desprendam e não vinguem.

Mas, em condições especiais como umidade e sol, desenvolvem-se também, mas neste caso com o devido controle do produtor o fungo, temos um outro cenário, e passa a ser chamado de podridão nobre.

Podridão nobre

Na podridão nobre, a praga fura a casca das uvas e alimenta-se da água. Desidratando-a naturalmente. Com menos água temos mais açúcares e partes sólidas. Depois, este cacho atacado vai para a vinificação. O resultado é um vinho especial. Como na boca a sensação do doce está na ponta da língua e o ácido no fundo, Temos um vinho adocicado de início e ao final de boca levemente ácido com aromas de frutos secos, nozes, especiarias e muita singularidade.

Tokaj, na Hungria, um dos poucos locais que se desenvolve o vinho com a podridão nobre

Só dois terroirs neste planeta o produzem com qualidade, quantidade e regularidade. Sauternes, ao sul de Bordeaux, França e Tokaj na Hungria. Ali dois mitos no mundo de Dionisio. O Chateau d’Yquem e o Tokaj.

São vinhos caros porque produzem pouco, são uvas desidratadas e encontradas nestes raros terroir, para dificultar, os vinhos "Botrytizados" são elaborados a partir de uvas colhidas literalmente bago a bago, durante vários dias. Não poderia ser diferente!

Busca por assuntos: França Hungria

 

É GRÁTIS... Fique Atualizado!
Insira o seu e-mail e nome abaixo para receber dicas gratuitas sobre vinhos!

Buscar