Vinho tinto pode prevenir efeitos negativos do sedentarismo

O vinho tinto pode combater os efeitos negativos do sedentarismo

Diversas pesquisas abordam e comprovam os benefícios que o vinho traz à saúde dos seus consumidores. Inclusive, alguns pesquisadores recomendam a ingestão diária de um cálice do fermentado. Tal hábito tem como objetivo evitar o risco de doenças cardiovasculares, dentre outros males.

Um estudo publicado no FASEB Journal, um dos jornais de biologia mais citados do mundo, revelou que o vinho tinto pode reduzir os efeitos negativos do sedentarismo no organismo. Vale ressaltar que a bebida não substitui as atividades físicas, mas pode retardar a deterioração óssea e muscular.

É GRÁTIS... Fique Atualizado!
Insira o seu e-mail e nome abaixo para receber dicas gratuitas sobre vinhos!

O estudo

Os pesquisadores analisaram a reação do resveratrol, uma substância presente na casca das uvas, no organismo de ratos. Os animais foram divididos em dois grupos e colocados em um ambiente que simula a ausência de gravidade dos voos espaciais.

Um dos grupos ingeriu resveratrol e não teve problemas de perda óssea e muscular, enquanto que o grupo que não recebeu a substância sofreu perdas. De acordo com os pesquisadores, os resultados sugerem que os efeitos poderiam ser similares em humanos em condições de ambiente normais.

>> Conheça mais sobre vinhos e seus benefícios
>> Vinho reduz risco de doença renal
>> Vinho ajuda na perda de peso

Resultados promissores

O editor da revista científica na qual o estudo foi publicado, Geral Weissmann, acredita que o resultado é ainda mais importante para os astronautas. No espaço é praticamente impossível de praticar qualquer tipo de exercício.

O consumo moderado de vinho traz diversos benefícios à saúde

- Existem diversas barreiras à atividade física e algumas desafiadoras, como doenças e lesões que impossibilitem os movimentos. O resveratrol não pode ser um substituto para o exercício, mas pode retardar a deterioração até que alguém pode se mover novamente . " — explica Gerald Weissmann.

Para completar, o editor deixa uma dica: "Se os suplementos de resveratrol ainda não são muito acessíveis, então temos boas notícias. Você pode encontrá-lo naturalmente nos vinhos tintos. O que classifico como um brinde do universo."

Fontes de pesquisa: zerohora.com.br e fasebj.org

 

Publicidade

Busca por assuntos: Dicas

 

É GRÁTIS... Fique Atualizado!
Insira o seu e-mail e nome abaixo para receber dicas gratuitas sobre vinhos!

Buscar